Terça-feira, 13 de Janeiro de 2009

diário QD - 1º do ano

  

 

O Ano já começou faz algum tempo, e eu ainda não escrevinhei nada que se lesse. E, se assim continuo, alguém dirá – “Este é como o Sócrates!” –, o que seria o maior dos insultos. Aliás, este personagem meio obscuro que chegou a 1º Ministro com base em promessas que se revelaram mais tarde não passarem de mentiras gigantescas, continua assombrosamente a debitar outras com a maior cara de pau. Isso digo eu, porque ele até que pode estar a falar a verdade! A sua verdade, não é?! Pode até acreditar nas suas mentiras como se de verdades estivesse a falar, o que é doentio. Doentio para ele, porque já ninguém acredita na sinceridade das suas palavras. Doentio para nós porque qualquer verdade que saia da sua boca nos soa como mais uma intrujice.

 

 

É esta falta de credibilidade, para a qual ele tanto contribuiu, que faz com que Manuel Alegre seja neste momento uma daquelas pequeninas pedras causadoras de um prurido irritante no seu sapato, e que ele não consegue expulsar. É que este transmite precisamente a postura de político crível pela qual grande parte dos portugueses anseia! E Manuel Alegre neste momento diverte-se a irritar Sócrates ao manter em suspenso se avança para a formação de um novo partido ou não.

 

 

 

 

 

 

Aliás, esta moda de políticos com idade já avançada andarem a rir-se uns dos outros, parece ter também chegado a Vila do Conde. Então não é que o Mário de Almeida, o irredutível edil vilacondense, afirma pensar candidatar-se em 2013 e não neste ano de 2009, motivado pelo facto de só o poder fazer mais uma vez e então que seja naquele ano? Isto, se não é gozar com a cara do Pedro Brás Marques, candidato pelo PSD, então não sei o que seja! Talvez esteja a gozar com todos, inclusive aqueles que dizem ser os mais fiéis entre os leais! Os que estão mortinhos da silva para ver o Tio de costas ou cadeirinha de rodas.

 

 

 

   

 

Claro que Mário de Almeida não vai fazer nada disso. Seria arriscar demasiado, quando ele sabe perfeitamente que fiéis são os cães e leais só são alguns ou nenhuns. Mas lá que o Tio, quando quer, tem imensa piada, isso não o posso negar.

 

 

Mas o Pedro Brás Marques que não desespere com mais esta iniciativa pródiga do Tio. Para ele, que tanto gosta de música, o QD dedica este tema dos míticos Rolling Stones:

 

"Time Is On My Side"

 

 


publicado por siX às 22:24
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 23 de Dezembro de 2008

diário QD - o regresso

 

 

 

 

 

O Blog reabriu as portas à percepção. Não as da percepção, porque essas já foram encerradas há muito pelo finado Jim. Aliás, o Blog esteve durante um ano nessa condição, de finado. Bem, quem se finou foi, finalmente, Calixto! Não eu, que de Calixto nada tenho, mas sim o Comandante que inspirou a figura. Paz à sua alma.

 

 

Enfim, o Blog está de regresso, para o melhor e para o pior. Com certeza, tão cedo ninguém vai ler isto. Poucos devem acreditar num ressurgimento do QD. Mas a vida é assim mesmo! E não é disso que o Blog carece?

 


publicado por siX às 11:00
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Segunda-feira, 10 de Setembro de 2007

diário QD - back to the city

 

Bom! As férias já terminaram à muito. Desliguei-me momentaneamente deste canto virtual por pura indisponibilidade e também pela necessidade em concretizar outros projectos, os quais requerem toda a minha energia e concentração. Falando um pouco do passado recente, devo dizer que foi prolífico em viagens pela montanha e realidades cruas. As montanhas têm nomes que perduram para além da memória e guardam as suas gentes e costumes que me impressionam pela simplicidade e princípios bem arraigados. Sinto-me bem, aí, numa qualquer aldeia de granito perdida entre as fragas, assolada pelos ventos. Sinto-me bem quando passeio pelo verde a perder de vista, atravesso pontes e córregos com nomes estranhos, percorro ruas calçadas por gente antiga.

 

 

O regresso a Vila do Conde é sempre difícil, pelo sufoco. A angústia do retorno a uma terra que é “minha” – pertenço e amo –, mas me sinto cada vez mais distante e estranho. A culpa deve ser minha, acho… por chamar a atenção a alguns amigos que a postura de um homem de 40 ou 50 deve ser diferente da que se possuía aos 20, que os excessos de outrora não são para serem relatados a estranhos à mesa do café, que estou cansado de ser apelidado de “careta” quando os confronto com determinadas realidades, o desapreço dos tarecos e tarecas de comportamento bizarro.

 

 

Enfim, estou de volta mas não lá grande coisa…

 

 

 

Photo by Rep Xis

 

 


publicado por siX às 13:03
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
    O meu ip
    Web Hosting Directory by Blog Flux
    BloGalaxia
       

os latagões

  • s¿X
  • berlim
  • reporter xis
  • passado

    adjectivos

    vileiros

    net.vil@condense

    outras.vil@s

    vizinhos

    ambiente

    mixórdias

    Setembro 2009

    Maio 2009

    Fevereiro 2009

    Janeiro 2009

    Dezembro 2008

    Dezembro 2007

    Novembro 2007

    Outubro 2007

    Setembro 2007

    Julho 2007

    Junho 2007

    Maio 2007

    Abril 2007

    Março 2007

    Fevereiro 2007

    Janeiro 2007

    Dezembro 2006

    Novembro 2006

    Outubro 2006

    Setembro 2006

    Agosto 2006

    Julho 2006

    Junho 2006

    Maio 2006

    Abril 2006

    Março 2006

    Janeiro 2006

    Dezembro 2005

    Novembro 2005

    Outubro 2005

    Setembro 2005

    Agosto 2005

    lataria e afins

    diário QD - 1º do ano

    diário QD - o regresso

    diário QD - back to the c...

    tags

    local(89)

    concertos(32)

    poem(28)

    diários QD(26)

    momentos vc(24)

    diários qd(23)

    politica nac(23)

    capas de susto(21)

    ?(18)

    rom(15)

    memoriasvc(9)

    calixto(8)

    blogs(7)

    correio dos leitores(7)

    mundial futebol(7)

    natal(6)

    todos os santos(6)

    divag(4)

    fcp(4)

    aborto(3)

    todas as tags

    subscrever feeds

    vileiros no limbo