Segunda-feira, 24 de Julho de 2006

correio dos leitores

 

 

Recebi do Pedro Macedo este e-mail, que vem complementar o que aqui já foi dito...

 

Más notícias para o litoral de Vila do Conde.

 

 

Uma mancha de poluição surgiu nos últimos dias nas praias de Vila do Conde.

 

 

 

 

 

Na praia de Mindelo e outras foi impossível tomar banho, com a bandeira vermelha hasteada pela Capitania. Milhares de peixes mortos apareceram junto às Caxinas, onde são descarregados esgotos de Vila do Conde e Póvoa de Varzim, onde continuam a não existir estações de tratamento de águas residuais. O Ministério do Ambiente está a estudar as causas desta poluição anormal.

 

 

Apesar disso vários banhistas continuavam ontem a tomar banho na praia de Árvore, interdita desde 2001 devido à poluição. Apenas as análises à agua do mar com resultados "aceitáveis" são geralmente afixadas. Apesar da bandeira vermelha e da mancha de poluição bem visível nas ondas junto à praia (ver anexo), nenhum dos banhistas foi avisado para sair da água.

 

 

Devido à erosão costeira as praias quase desaparecem na maré cheia, fenómeno bem visível na praia de Mindelo. Apesar disso continua-se a construir nas dunas. Depois do empreendimento Optimist em Azurara, em Árvore foi recentemente aprovada pela autarquia e pela CCDR a construção de novos edifícios em plenas dunas, em zona de risco de avanço do mar de acordo com o plano de ordenamento da orla costeira (POOC), em área prioritária de conservação de acordo com o plano estratégico da Reserva Ornitológica de Mindelo (ROM). Os edifícios estão situados na Rua Santos Júnior, uma forma peculiar de homenagear o criador da ROM.

 

 

 

 

 

Um abaixo-assinado contra a construção com centenas de assinaturas recolhidas por moradores e enviado à Câmara Municipal não surtiu qualquer efeito.

 

Na ROM, onde ainda existe a ultima área costeira não construída do Grande Porto, (re)abrem-se agora antigos caminhos públicos nas dunas, alguns dos quais com 10 metros de largura. Depois de tantos anos de recuperação, a vegetação é totalmente destruída em áreas de reserva ecológica nacional - os carros já começam a circular. Os incêndios voltaram. As descargas de lixo continuam. O Inventário de Áreas Contaminadas realizado a nível nacional e recentemente divulgado concluiu que a ROM é uma das áreas com maior grau de prioridade de intervenção. Óleos e entulhos foram identificados numa área de 66 mil m2.

 

O grupo de trabalho criado pela Câmara Municipal para defender a ROM não reúne desde Agosto do ano passado e o estatuto de área protegida, que poderia promover a sua recuperação ecológica e o aproveitamento para educação ambiental e lazer, continua sem ser enviado pela Câmara Municipal ao Instituto de Conservação da Natureza.

 

 

 Em síntese, continua a ser negada aos Vilacondenses a qualidade de vida e a gestão sustentável do seu território.

 

Este e outros assuntos serão discutidos na reunião da Comissão de Acompanhamento da revisão do POOC na próxima segunda-feira, a ter lugar em Matosinhos. Os Amigos do Mindelo, em conjunto com o FAPAS enquanto representantes das ONGA, irão mais uma vez tentar inverter o rumo dos acontecimentos.

 

 Litoral de Vila do Conde arruinado?

 

 Nem pensar!!! Ainda vamos a tempo!

 

  

   Pedro Macedo, Associação Amigos do Mindelo

 

 


publicado por siX às 23:02
link do post | comentar | favorito
4 comentários:
De seforis a 25 de Julho de 2006 às 06:46
Mindelo há muito que agoniza parado na armadilha temporal do que semeou e que, por uma ou outra razão que não interessa agora referir, nem me convém de forma alguma, não conseguiu fruto da, agora maldita, semente que poucos teimam em regar. Como tudo se movimenta em torno do sucesso económico das pessoas e respectivos lugares que habitam e nele fazem a sua vida. Também essa semente, embora de forma habilmente dissimulada , surgiu como oportunidade única para o desenvolvimento de uma freguesia que se agarrava a mitos irreais que em nada a favoreceram (exemplo disso foi a tentativa de aproveitamento do desembarque de D. Pedro aqui na praia do Mindelo até que o Sr. Saraiva veio para a televisão dizer que havia uma terriola qualquer que julgava chamar-se Mindelo que abusivamente puxava para si os louros de tal desembarque...mas é pura mentira meus senhores...isso aconteceu lá mais para sul onde existe um monumento no exacto local do dito desembarque ). Confesso que não me agradou nada ouvir chamar terriola ao "meu" Mindelo. Mas, o que tem sido depois disso? Não sabemos como crescer com desenvolvimento sustentado e que vá ao encontro das necessidades dos seus habitantes e dos que a visitam...pura e simplesmente, não temos crescido...não sabemos defender o que temos, mesmo que tenha sido há custa da destruição de antigos haveres...assim, esperam outros o que o tempo faz enquanto outros fingem não saber que faz e, mais dia menos dia, lá estará o majestoso resultado dele...não. Já não vamos a tempo!


De siX a 25 de Julho de 2006 às 21:56
desculpa seforis, mas não posso crer q tudo esteja assim tão irremediavelmente perdido...


De seforis a 26 de Julho de 2006 às 11:43
Talvez não...nada se perde. Tudo se transforma...gostamos de nos sentir imortais e, muito provavelmente , seremos...


De Rui Sousa a 25 de Julho de 2006 às 10:06
No sábado passado fui até à praia de Vila do Conde e, de facto, fiquei chocado com a porcaria que existia no mar... não era uma maré negra (essa só na marginal), era amarela espumosa ... uma tristeza!!! Quanto a Mindelo, espero que ainda consigam ir a tempo de salvar o que de bom existe... boa sorte.


Comentar post

    O meu ip
    Web Hosting Directory by Blog Flux
    BloGalaxia
       

os latagões

  • s¿X
  • berlim
  • reporter xis
  • passado

    adjectivos

    vileiros

    net.vil@condense

    outras.vil@s

    vizinhos

    ambiente

    mixórdias

    Setembro 2009

    Maio 2009

    Fevereiro 2009

    Janeiro 2009

    Dezembro 2008

    Dezembro 2007

    Novembro 2007

    Outubro 2007

    Setembro 2007

    Julho 2007

    Junho 2007

    Maio 2007

    Abril 2007

    Março 2007

    Fevereiro 2007

    Janeiro 2007

    Dezembro 2006

    Novembro 2006

    Outubro 2006

    Setembro 2006

    Agosto 2006

    Julho 2006

    Junho 2006

    Maio 2006

    Abril 2006

    Março 2006

    Janeiro 2006

    Dezembro 2005

    Novembro 2005

    Outubro 2005

    Setembro 2005

    Agosto 2005

    lataria e afins

    momento... único!

    o meu voto vai para...

    as verdades de medina car...

    estamos a passar uma cris...

    o mágico

    viu por aí?...

    uma mentira conveniente

    um farol às escuras II

    communiqué - um farol às ...

    todos ao molhe e fé em de...

    tags

    local(89)

    concertos(32)

    poem(28)

    diários QD(26)

    momentos vc(24)

    diários qd(23)

    politica nac(23)

    capas de susto(21)

    ?(18)

    rom(15)

    memoriasvc(9)

    calixto(8)

    blogs(7)

    correio dos leitores(7)

    mundial futebol(7)

    natal(6)

    todos os santos(6)

    divag(4)

    fcp(4)

    aborto(3)

    todas as tags

    subscrever feeds

    vileiros no limbo