Terça-feira, 24 de Abril de 2007

diário QD

 

 

Faz tempo que não escrevinho nenhum diário! A razão é simples: muito pouco, às vezes nada, tem despertado o meu interesse pelas políticas díspares que influenciam sob diversos aspectos o corre-corre da minha aldeia. Aliás, é tudo tão cinzento, que o puro acto de escrevinhar sobre eles me é doloroso sob o cariz intelectual. Enfim, faz-se um esforço…

 

O clube dos 7

 

 

 

 

 

Depois de Portugal ver recusada a pretensão de incluir um dos seus monumentos no conjunto daqueles que estão a votação para a escolha das novas sete maravilhas do mundo, apesar de ser palco da sua proclamação em 7 do sete de 2007 pelo 007 às sete, resolveu por sua iniciativa eleger as sete maravilhas de Portugal. Na Câmara Vilacondense fez-se luz e, vai daí, toca a eleger as sete maravilhas do concelho. Tudo bem! É bonito e apela a um sentimento bairrista. Portanto, toca a votar! Eu já cliquei 1492 vezes no Mosteiro de S. Bento de Vairão… Estou a brincar, só votei uma única vez. Mas ao permitir que um mesmo utilizador, sem nada para fazer, passe uma tarde a clicar no monumento da sua preferência vezes sem conta, está-se a adulterar as regras do jogo! Bom, nada a que não estejamos habituados…

 

 

A meter água

 

 

 

 

 

 

 

Depois da terrível provação pela que passou a comunidade piscatória das Caxinas com o naufrágio nas águas da Nazaré do Luz do Sameiro, as inúmeras reuniões, discussões públicas, entregas de protestos em mãos a membros do governo e promessas feitas dentro do âmbito da protecção das gentes do mar, chegamos ao costumeiro impasse que se traduzirá, uma vez mais, no esquecimento. 

As medidas prometidas pelo Tio tardam, o terreno destinado ao famoso heliporto continua incólume e os Socorros a Naúfragos, enfim, naufragam no esquecimento sem se entender muito bem porquê.

Estranha esta relação do Tio com as Caxinas! Têm uma verdadeira adoração por este homem, a quem consideram mais que um Tio! Não acreditam? Atentem só a este singelo poema de uma autora natural das Caxinas...

 

Caxinas de outrora

Desapareceu

Desde que alguém

Se lembrou dela

E a engrandeceu.

 

Já não são analfabetos

Os filhos dos pescadores,

Temos professores, engenheiros

Enfermeiros e doutores.

 

Caxinas já não é o que era

Está sempre em evolução,

Nem por isso deixa de ser

Terra do meu coração.

 

Devemos ao Sr. Presidente Mário Almeida

Toda esta evolução,

Os caxineiros lhe agradecem,

De todo o coração.

 

 

 

Maria de Fátima Fangueiro

 

Sem comentários...

 

 

 

 

 

 

 

 


publicado por siX às 00:26
link do post | comentar | favorito
6 comentários:
De seforis a 24 de Abril de 2007 às 07:38
Logo agora que queria comentar :-)


De seforis a 28 de Abril de 2007 às 18:39
Com que então dizes que não compreendi a profundidade da simplicidade do "poema". Não sei se cortarei relações contigo para sempre :-) Vou analisar o assunto... :-)


De siX a 28 de Abril de 2007 às 19:44
não foi isso q quis dizer. concerteza, exprimi-me mal... quero dizer q muito poucos ou mesmo ninguém se apercebeu do conteúdo e significado de tais palavras, porque É assim mesmo que essas pessoas pensam.


De Julia a 25 de Abril de 2007 às 19:28
Puxa siX !!! Seu blog é realmente super conceituado !! Só assim se explica o porquê do Mosteiro de S. Bento de Vairão e a capela... terem saltado de 1,9% para 5,2% após a colocação desse post.
E eu juro q dessa vez eu não tenho nada a ver com isso... :)))


De cachinare a 3 de Outubro de 2007 às 15:43
Maria de Fátima Fangueiro??? Querem ver que a parva da minha tia anda aos beijos ao presidente?
Vai levar com a verga!!!

Assinado
Um sobrinho.


De siX a 3 de Outubro de 2007 às 19:27
Sobrinho? Q fixe! bem, a tua tia já escreveu um livro, q foi de onde tirei este poema... :)


Comentar post

    O meu ip
    Web Hosting Directory by Blog Flux
    BloGalaxia
       

os latagões

  • s¿X
  • berlim
  • reporter xis
  • passado

    adjectivos

    vileiros

    net.vil@condense

    outras.vil@s

    vizinhos

    ambiente

    mixórdias

    Setembro 2009

    Maio 2009

    Fevereiro 2009

    Janeiro 2009

    Dezembro 2008

    Dezembro 2007

    Novembro 2007

    Outubro 2007

    Setembro 2007

    Julho 2007

    Junho 2007

    Maio 2007

    Abril 2007

    Março 2007

    Fevereiro 2007

    Janeiro 2007

    Dezembro 2006

    Novembro 2006

    Outubro 2006

    Setembro 2006

    Agosto 2006

    Julho 2006

    Junho 2006

    Maio 2006

    Abril 2006

    Março 2006

    Janeiro 2006

    Dezembro 2005

    Novembro 2005

    Outubro 2005

    Setembro 2005

    Agosto 2005

    lataria e afins

    momento... único!

    o meu voto vai para...

    as verdades de medina car...

    estamos a passar uma cris...

    o mágico

    viu por aí?...

    uma mentira conveniente

    um farol às escuras II

    communiqué - um farol às ...

    todos ao molhe e fé em de...

    tags

    local(89)

    concertos(32)

    poem(28)

    diários QD(26)

    momentos vc(24)

    diários qd(23)

    politica nac(23)

    capas de susto(21)

    ?(18)

    rom(15)

    memoriasvc(9)

    calixto(8)

    blogs(7)

    correio dos leitores(7)

    mundial futebol(7)

    natal(6)

    todos os santos(6)

    divag(4)

    fcp(4)

    aborto(3)

    todas as tags

    subscrever feeds

    vileiros no limbo